La primera mujer

Documentário | Saúde mental | Social

La primera mujer

The First Woman

Miguel Eek

77′ – Espanha – 2020
Versão original em espanhol e catalão, legendado em inglês e português
Apresentado por doclisboa

Estreia em Portugal

26/11

18h30

Cinema São Jorge

→ Sala 3

Eva tem alta depois de estar seis anos internada num hospital psiquiátrico. É o primeiro passo para a vida normal que deseja, mas  o que significa ser «normal»? Enquanto espera conseguir uma vaga no programa de habitação social, faz um balanço de um passado de excessos e tenta recuperar a confiança em si própria e no mundo exterior. Quando por fim encontram uma casa para ela, as suas aspirações começam a tornar-se realidade: ter trabalho e salário próprio, recuperar a relação com a mãe… até encontrar o amor. Mas, acima de tudo, Eva tem um sonho: reencontrar-se com o filho e pedir-lhe perdão, após quinze anos de silêncio. O realizador Miguel Eek, também diretor do Festival MajorDocs, apresenta o seu mais recente trabalho depois da sua estreia mundial no IDFA e da sua passagem pelo DOXA, pelo Docaviv e pelos festivais de Belgrado e de Málaga.

Convidado: Miguel Eek (realizador)


Miguel Eek realizador de 'La primera mujer'

Miguel Eek

Realizador

Nasce em Madrid e cresce entre Maiorca, Estocolmo e Barcelona, onde se licencia em Realização de Documentário na ESCAC. Depois de trabalhar na montagem e realização de documentários e séries, em 2007 funda a Mosaic, onde combina a realização e a escrita dos seus projetos com a produção executiva para outros autores. Os seus filmes são selecionados em trainings como o Eurodoc ou o IDFA Academy e em festivais como o IDFA, o Docaviv, a SEMINCI ou o Festival de Málaga. Desde 2019 é diretor artístico do Festival MajorDocs. Na sua filmografia, por ordem decrescente na sua cronologia, encontramos os títulos: La primera mujer (2020), Próximamente últimos días (2020), Ciudad de los muertos (2019), Vida y muerte de un arquitecto (2017), Vida divina (2015), Centroamericando (2013), Editing Time (2010), Savis (2009), ¿En qué piensas, abuela? (2006). (Fonte original: Programa Festival de Málaga 2021, onde o filme teve a sua estreia em Espanha).