Destello bravío

Ficção | Mistério | Social | Suspense

Destello bravío

Ainhoa Rodríguez

98′ – Espanha – 2021
Versão original em espanhol, legendado em inglês e português

Estreia em Lisboa

27/11

21h30

Cinema São Jorge

→ Sala 1

«Passou um clarão forte, muito forte, e tudo mudou…», Isa fala consigo própria deixando mensagens no seu voicemail para quando desaparecer ou perder a memória. Cita sente-se presa num casamento numa casa cheia de santos e virgens. María regressa à povoação onde nasceu para enfrentar a sua solidão. As mulheres de uma pequena localidade rural, suspensa no tempo e fustigada pelo despovoamento, vivem entre a apatia do seu dia a dia onde não acontece nada de especial e um profundo desejo de experiências libertadoras que façam com que reencontrem o lugar onde foram felizes ou sonharam sê-lo. Primeira obra de Ainhoa Rodríguez, o filme tem por fim a sua estreia lisboeta após a sua passagem pela secção oficial do Festival de Roterdão (onde teve a sua estreia mundial), pelo Ficunam, o New Horizons, o New Directors/New Films do MOMA, e os festivais de Vilnius, Moscovo, San Sebastián Toulouse e Málaga.

Convidada: Ainhoa Rodríguez (realizadora)


Ainhoa Rodríguez realizadora deo 'Destello Bravío'

Ainhoa Rodríguez

Realizadora, produtora e guionista estremenha. É doutorada em Teoria e Análise Cinematográfica (UCM), licenciada em Comunicação Audiovisual (UCM) e bacharel em Realização de Cinema e de Televisão (Escola Superior TAI). Acaba de vencer o prémio para a melhor realização no Festival Internacional de Cinema de Vilnius|Kino Pavasaris (Lituânia) por Destello bravío (2021), a sua primeira longa-metragem de ficção que, após a sua passagem pelo Festival Internacional de Roterdão e pelo Ficunam, integra a prestigiada seleção do 50.º Aniversário do New Directors/New Films organizado pelo MoMA e pelo Film at Lincoln Center em Nova Iorque. A revista Variety acaba de destacá-la como uma das dez cineastas emergentes: Spanish Talents on the Rise. As suas curtas-metragens foram galardoadas com prémios em todo o mundo.